quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Gene anti-cancerígeno descoberto

Investigadores belgas demonstraram que o mesmo gene suprime o cancro em moscas da fruta, ratos e humanos

Segundo a equipa de cientistas, “desligar” o gene pode levar ao cancro. Os investigadores utilizaram um tipo de gene que é bastante similar em todas as espécies, desde moscas a humanos.

Os cientistas afirmaram que em ratos, a perda deste tipo de genes causava cancro do cólon. As pessoas com este tipo de cancro têm frequentemente uma elevada inactividade do gene (ATOH1), afirmaram os investigadores. Através de laboratório eles conseguiam reactivar o gene nas células cancerígenas do cólon.

As células do tumor pararam de crescer e “suicidaram-se", a partir do momento em que os cientistas eram capazes de activar o gene com um simples químico, um facto que abre a possibilidade para que futuramente talvez seja possível voltar a reactivar o gene em pacientes.

Pedro Santos

http://www.upi.com/Health_News/2009/02/25/Anti-cancer_gene_discovered/UPI-28391235589713/

Sem comentários: