domingo, 19 de abril de 2009

Estudo: Antidepressivos são pouco utilizados por idosos

Resultados de um estudo toxicológico post mortem revela que os idosos que se suicidaram não costumam revelar presença de antidepressivos no seu sistema

A presença deste tipo de medicamentos foi encontrada em menos de uma em cada quatro vítimas, e ainda menos naqueles do grupo mais velho, que surgia a partir dos 85 anos de idade.

"Assumindo que muitas das vítimas de suicídio apresentam uma patologia clínica depressiva tratável, os dados deste estudo revelam problemas no fornecimento de medicamentos indicados para pessoas a partir de uma certa idade", afirmou Robert Abrams, do Weill Cornell Medical College em Nova Iorque, Estados Unidos.

Estes dados são baseados no estudo de 255 vitimas de suicídio da cidade de Nova Iorque que tinham pelo menos 65 anos de idade quando faleceram, no período entre 2001 e 2004.

Os resultados dos exames toxicológicos em 162 vitimas revelaram a presença de medicamentação antidepressiva em apenas 23% dos casos.

Pedro Santos

http://www.nlm.nih.gov/medlineplus/news/fullstory_83023.html

Sem comentários: